Representantes de 22 instituições beneficentes de 15 cidades do Paraná e uma de Santa Catarina receberam neste dia 20 de dezembro, em um café da manhã em Curitiba, uma doação de R$ 558.800,00 referente à Campanha Solidária Condor, uma ação de responsabilidade social em que parte da venda dos produtos anunciados nos tabloides específicos da campanha é revertida em forma de vales-compras Condor para as instituições.

A ação, que está comemorando 10 anos, envolve os clientes, a rede e os fornecedores e beneficiou com R$ 25.400,00 cada uma das 22 instituições filantrópicas localizadas nas cidades em que o Condor atua: Almirante Tamandaré, Apucarana, Araucária, Campo Largo, Castro, Colombo, Curitiba, Fazenda Rio Grande, Lapa, Londrina, Maringá, Paranaguá, Pinhais, Ponta Grossa ou São José dos Pinhais, e em Santa Catarina, na cidade de Joinville.

Com a entrega de hoje, a campanha totalizou um montante de R$ 3.301.400 milhões doados para 196 instituições. Os vales-compras podem ser trocados no decorrer de 2017 por alimentos, produtos de higiene e limpeza, bazar, roupas e eletros, em qualquer uma das 43 lojas da rede.

“Em momentos de crise, as instituições são mais procuradas pelos mais necessitados, mas em contrapartida as doações diminuem, por isso eles acabam tendo que fazer mais com menos. Diante disso, é gratificante para o Condor realizar uma ação como esta, que vai poder contribuir com a manutenção desses importantes trabalhos realizados em prol dos mais necessitados”, destacou o diretor administrativo do Condor, Wanclei Said.

Todas as instituições beneficiadas com a Campanha Solidária Condor 2016 relataram que as suas dificuldades aumentaram com a crise. “As doações foram reduzidas em torno de 70% e as ajudas que recebíamos das empresas foram cortadas. Então, esta doação foi uma salvação e chegou em um momento importante, pois vai garantir a continuidade do trabalho em 2017”, contou a presidente da Casa de Apoio Tia Sula, de Colombo, Gessulina Azzarini.

Depoimento de Almirante Tamandaré

José Maurício da Silva, presidente do Desafio Jovem Curitiba – “Crer Jovem”

“Para 2017, temos a meta de ampliar os trabalhos e atender ainda melhor. A crise é uma grande oportunidade para mostrar quem é quem e o Condor está mostrando o que pensa e tendo uma linda reação”.

Depoimento de Apucarana

Antônio Carlos Macarrão Machado, presidente do Grupo Soma – Lar Sagrada Família

“Uma doação como esta em um momento como este que o nosso país está passando alivia muito a nossa carga. 2017 é uma incógnita e esta ajuda já nos dá uma perspectiva melhor. Eu estava muito preocupado com o ano vindouro, tudo parecia estar escuro, mas agora já enxergamos uma luz”.

Depoimento de Araucária

Carlos Roberto de Castilhos, representante da CEAR – Centro Educacional Araucária

“Somos mantidos pela igreja, que vive de doação, e como as doações diminuíram neste ano, estamos enfrentando dificuldades. Por isso, essa doação veio em boa hora e vai nos ajudar muito”.

Depoimento de Campo Largo

Luciano Morais e Silva, presidente da Fundação Ângelo Cretã de Educação Sócio Econômico Ambiental

“A gente não tinha noção do valor que receberíamos aqui e acabou sendo 10 vezes maior do que eu imaginava, portanto, vai nos possibilitar fazer muitas coisas Esta doação representa um upgrade em todo o sistema de atendimento e nos possibilita criar novos projetos que deixamos de executar por falta de recurso”.

Depoimento de Castro

Claudia Pinheiro, presidente da Apae de Castro

“Nessa época de crise, as entidades estão precisando desse olhar da sociedade e é muito legal ver que uma empresa tenha este olhar. Esta doação vai oferecer uma maior qualidade de atendimento aos que precisam”.

Depoimentos de Curitiba

Livercina Xavier – presidente da Vovô Vitorino – Associação de Proteção à Infância Vô Batuta

“Esta doação representa o planejamento do que faremos em 2017. Chegamos no final de 2016 sem reserva e sem perspectiva, então este valor traz um novo horizonte para o ano que vem. Mais do que uma ação de responsabilidade social, esta campanha contribui com o desenvolvimento comunitário, pois ajudamos as famílias a se emanciparem”.

Olívia WernerMartins, vice diretora da Associação Batista de Ação Social de Curitiba – ABASC

“Esta doação representa um grande benefício diante das dificuldades que passamos. Estamos precisando, pois ajudamos muitas famílias com cestas básicas e este valos vai ajudar muito. Vejo esta ação como um grande empenho do Condor em ajudar os menos beneficiados”.

Paulina Kuczynski, representante da Associação das Senhoras da Caridade São Vicente de Paulo

“Não existem palavras para agradecer, pois passamos por muitas dificuldades e encontramos muitas famílias carentes. Esta doação vem como um presente de Deus e vai fazer muito bem para a instituição e para as famílias que ajudamos”.

Daniela Leal, coordenadora de desenvolvimento institucional do Hospital de Clínicas

“O HC passou por um ano muito difícil. Este ano tivemos até que comprar o básico, como medicamentos. Provavelmente, utilizaremos esta doação para realizar eventos para levantar recursos para ajudar os nossos pacientes”.

Katia Moraes, presidente da Casa das Orquídeas – Centro Espiritualista de Estudos e Caridade

“Somos um grupo de amigos que faz atividades solidárias em datas festivas. Neste Natal esperamos distribuir 10 toneladas de alimentos e 1.500 brinquedos para comunidades carentes. Não temos incentivos do governo e a sensibilidade social do Condor é um incentivo e uma motivação para aprimorarmos as nossas ações”.

Godiva Maria Vieira, coordenadora local da Associação Bem Aventurada Imelda

“Se não tivéssemos esta ajuda agora não teríamos como continuar o nosso projeto, por isso agradeço a Deus e ao Condor. Este valor vai nos ajudar muito, principalmente na alimentação principalmente com carne, leite, frutas e sobremesas. Nesses últimos tempos era apenas arroz com feijão e agora vamos poder proporcionar uma alimentação mais adequada para as crianças”.

Depoimento de Fazenda Rio Grande

Alysson Citadin, representante do Centro Social Marista Ir. Henri

“Esta doação chegou em uma boa hora, principalmente em um momento que a economia não vai bem. Este valor vai potencializar os nossos projetos e vai dar uma folga no nosso orçamento”.

Depoimento de Joinville

Matheus Cadorin, diretor executivo dos Bombeiros Voluntários de Joinville

“É uma honra ser a primeira entidade fora do Paraná a receber esta doação. Desde que o Condor chegou em Joinville se tornou um grande parceiro nosso. Além do recurso, que será direcionado aos Bombeiros Mirins, esta ação é o reconhecimento do Condor ao nosso trabalho e à nossa instituição, que é vista pela empresa como merecedora do apoio de uma gigante do mercado como o Condor”.

Depoimento de Lapa

Alvarez Cherubini, presidente da Apae de Lapa

“Esta ação é muito importante, pois dependemos do auxílio da comunidade. A doação vai contribuir para enriquecimentos dos nossos projetos e vai melhorar o atendimento aos nossos alunos, que vão poder contar com uma melhor qualidade de vida”.

Depoimento de Londrina

Kleber Francisco Maricato, presidente da Legião da Boa Vontade – Núcleo Municipal de Londrina

“A crise retraiu muito as doações, mas conseguimos manter os nossos trabalhos. Esta ajuda do Condor vai nos ajudar muito, pois em meio a tantas dificuldades, vamos poder começar o ano com o pé direito. Como servimos quase 400 refeições por dia, esta doação vai nos ajudar a reforçar a alimentação oferecida”.

Depoimento de Maringá

Miguel Machinski, presidente da Associação Cultural e Beneficente Água Viva

“Nossa instituição tem passado por dificuldades e esta doação vai nos ajudar muito na manutenção da casa e também vai contribuir com os nossos idosos. Com esse recurso é possível fazer um planejamento estratégico mais bem definido e será muito importante para melhorarmos a nossa estrutura”.

Depoimento de Paranaguá

Irmã Inês de Souza Carvalho, presidente da Comunidade Milagre Eucarístico

“Esta doação vai fazer a diferença e chegou em boa hora. Para nós, representa uma grande benção, pois vamos começar o ano sabendo que teremos o necessário, o que nos dá maior segurança”.

Depoimentos de Ponta Grossa

Padre Delvair Lemonie, da Associação Antonio e Marcos Cavanis – Casa do Menor Irmão Cavanis

“Para nós receber esta doação é uma grande alegria porque traz segurança para o futuro da instituição. Atendemos 310 crianças e um aporte desse garante que possamos continuar beneficiando as nossas crianças. Com esta ação, vemos que o Condor é uma empresa que participa e se preocupa com o bem estar da sociedade. Esta é uma atitude exemplar que deve ser balizadora para outras empresas também”.

Luiz Carlos Pedroso, presidente da Colmeia Espírita Cristã Abigail

“Este valor vai contribuir muito, pois vivemos de doações e precisamos da ajuda da comunidade. Está vindo em boa hora porque o governo municipal não está repassando verbas e o que nos salva são as doações. O custo de uma instituição é alto e vejo esta ação como algo admirável, que muitas empresas poderiam aderir para ajudar nos ajudar”.

Depoimento de Pinhais

Dario Daros Bozzo, presidente da Fundação Pró-Pinhais

“É importante destacar o movimento que o Condor faz de integração em um momento de dificuldade. Parabenizo a rede por esta visão de crescer junto com a população. Esta doação vai ajudar muito, pois o setor da área de saúde está muito carente e este valor vai nos auxiliar a programar melhor 2017”.

Depoimento de São José dos Pinhais

Willians Cristiano Lopes, presidente da ONG Direito de Viver com Saúde – REVIVA

“Em um momento de crise, esta doação vai nos ajudar a melhorar o espaço e dar amplitude no atendimento. 2016 foi um ano difícil, mas para 2017 daremos um pontapé inicial com uma ajuda muito representativa”.